Dia das Bruxas na Catamaran Tours

26 outubro 2017 | Postado por Casinha da Cys

Recife Assombrado  Assombrações com DNA pernambucano protagonizam o Dia das Bruxas na Catamaran Tours
Assombrações com DNA pernambucano protagonizam o Dia das Bruxas na Catamaran Tours
valorizando as assombrações com DNA pernambucano e trazendo releituras de clássicos mundiais do horror, a Catamaran Tours promove neste sábado (28), às 20h, mais uma saída do passeio espetáculo Catamaran Assombrado, que recentemente estreou uma nova temporada, ainda mais assustadora e divertida. A ideia do programa é mesclar turismo e entretenimento ao narrar e encenar passagens das lendas de assombração mais famosas de Pernambuco, o que inclui histórias obscuras como a Emparedada da Rua Nova, o Papa-Figo, o Boca de Ouro e até o Lobisomem. Os sons e sombras do Teatro Santa Isabel, os espectros escuros do Rio Capibaribe e o mistério do Encanta-Moça também fazem parte da aventura, que conta com embarques semanais, aos sábados. No roteiro, os pontos turísticos mais místicos do centro do Recife.
“Além da diversão, o passeio também se preocupa em oferecer aos passageiros informações sobre as histórias reais que deram origem às lendas, enriquecendo bastante a experiência, que vai muito além de sustos”, explica Juliana Britto, diretora da Catamaran Tours, ressaltando que o passeio surgiu como uma forma de misturar turismo, história e entretenimento em um único programa.
A Cia Pernambucana de Arteatro, dirigida pelo ator, diretor e produtor Nill Martins, é a responsável por dar vida aos personagens, que se revezam na embarcação, utilizando o Recife como palco e cenário das histórias de terror. O roteiro do tour foi inspirado no livro “Assombrações do Recife Velho”, de Gilberto Freyre, e adaptado por Roberto Beltrão, André Balaio – criadores do Recife Assombrado –, Cláudia Heráclio e Fabiano Barbosa, da Catamaran Tours, e Niil Martins, tendo como base a programação feita pela Prefeitura do Recife para o passeio assombrado do projeto Olha Recife por catamarã.

Saiba mais sobre algumas das assombrações:
Encanta moça
O caso relata as desventuras acontecidas, provavelmente no século XIX, a uma moça rica e bonita que passeava, à noite, margeando o manguezal onde hoje se localiza o bairro do Pina. De repente, a mulher se vê seguida pelo próprio marido, que havia cismado que ela o traía com outro. Sabendo os horrores de que o marido era capaz, a linda moça se desespera e se põe a correr. Durante a fuga, em uma área quase desabitada, ela, de repente e como se fosse mágica, desaparece. Segundo a lenda, foi habitar o mundo do além.
Há quem diga que a jovem foi assassinada pelo esposo. Outros afirmam que, durante a corrida pela vida, ela foi encantada, não pelo marido, mas pelo próprio demônio ou outro espírito ruim. Em noites de lua cheia, a encantada apareceria nua na região, a fim de amaldiçoar homens que ousam passar por ali, por vingança. A história é relatada por Gilberto Freyre em seu livro Assombrações do Recife velho.
Papa-figo
O Papa-figo é o temor de muitos moradores do Recife por estar associado à inclemência de um tipo de monstro desalmado que, segundo dizem, não hesita em raptar e matar crianças para roubar seus fígados. "Volta pra casa, menino, o Papa-figo vai te pegar!", diziam as mães para assustar seus filhos.
O relato mais espalhado pelo burburinho urbano recifense remete ao final do século XIX. O boato dizia que um senhor de uma poderosa família foi acometido por uma horrível doença no sangue, que causava chagas asquerosas. Um negro velho, escravo do senhor, afirmou que o mal tinha cura, bastava comer "figo" de criança nova.
O escravo saía pelas ruas com um saco nas costas capturando meninos, atraídos pelo doce de banana "nego bom". Para disfarçar e escapar das perguntas sobre o conteúdo do saco, afirmava que eram ossadas de boi ou carneiro.
A Cruz do Patrão
Localizada no Porto do Recife e construída no século XVIII, o monumento servia como baliza para os navios no terminal. A coluna de alvenaria, de seis metros de altura, virou lenda entre os recifenses. Acreditava-se que negros pagãos, falecidos durante viagens de navio que vinham da África, eram enterrados ali.
A areia da maré colaborava para que os sepultamentos ocorressem sem rituais religiosos, surgindo a lenda que tornou o local amaldiçoado. Entretanto, nenhum arqueólogo foi capaz de encontrar, em pesquisas recente, quaisquer indícios de cemitérios clandestinos.
Emparedada da Rua Nova
Um morador da Rua Nova resolveu castigar a própria filha emparedando-a viva. O português Jaime Favais seria dono de uma loja na rua. Clotilde, sua menina, engravidara de um vadio de nome Leandro, que também era amante da mulher do comerciante. Favais descobre tudo e manda matar Leandro, para desespero da mãe, Josefina, que perde a razão. Para terminar, ele quer que Clotilde se case com seu sobrinho João. Ambos recusam a medida. O velho se enfurece e condena a filha a ser emparedada vida no banheiro do sobrado. Jaime escapa para Portugal e volta para a Rua Nova após três anos, sendo perturbado por aparições e gemidos lúgubres e abafados.
Debutante
Outra história de uma jovem moça morta antes do tempo é a de Ana Luiza. A debutante, em seu aniversário de 15 anos, estava para participar de sua festa no antigo Clube Internacional do Recife, na Rua da Aurora. Mas não chegou a dançar a primeira valsa, já que caiu da escada e morreu na queda. Ana Luiza, hoje, assombra o prédio do Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães.
Serviço
Catamaran Assombrado
Onde: Cais Santa Rita, S/N, Recife/PE
Saídas: Sábados, às 20h
Preço: R$ 60,00 para adultos e R$ 30,00 crianças de 8 a 10 anos
Censura sugerida: 8 anos
Duração: Aproximadamente 1h20
Informações: 81. 3424.2845
Estacionamento gratuito
Facebook: www.facebook.com/catamarantourspe



Imagens: Divulgação.
  

0 Comentários | Compartilhe este post | Marcadores:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Colocamos sempre imagens para ilustrar nossas postagens, algumas imagens (fotos) são nossas, outras são dos locais que usamos como inspiração para nossos textos, mas que são creditados e há imagens também postadas aqui no blog de fontes diversas da Internet. Portanto, se alguma das imagens publicadas for de sua autoria e deseja que seja retirada ou que seja mencionada a fonte da imagem, entre em contato através do email: casinhacys@gmail.com, para que seja resolvida a questão da retirada da imagem ou publicado o nome do autor da imagem.
BLOG CASINHA DA CYS | TECNOLOGIA BLOGGER | COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA