De repente mãe

10 maio 2018 | Postado por Casinha da Cys


ser mãe
Depois que fui mãe minha vida, como a de muitas mulheres, mudou muito. Desde a gestação até agora com minha filha, quase adolescente, os dias não são mais em nada parecidos como antes. Para falar a verdade, até hoje eu ainda me pego assustada com tudo e, muitas vezes, sem saber o caminho seguir. Entretanto, acredito que faz parte. Deve fazer parte ter dúvidas, frustrações, ansiedade e medo. Eles também chegam junto das sensações boas e que nos fazem, felizmente, acreditar que tudo vale a pena.
Ainda bem que também podemos sentir que ser mãe é algo grandioso, audacioso, desbravador e que poderemos sim ter felicidade, mesmo quando experimentamos sentimentos tão controversos. Ser mãe é assim!
Confira um texto que encontrei na internet e que é muito interessante. Ele faz uma reflexão sobre a maternidade. 

Aí você virou mãe...
Você tinha um milhão de planos para a sua vida, sonhava um milhão de sonhos. Só que aí você virou mãe.
Você dormia assim que deitava na cama e acordava só às 10h da manhã. Aí você virou mãe.
Você tinha um monte de amigas de que te ligavam e te chamavam para sair sempre. Mas você virou mãe.
Você lia um livro por semana e colocava em dia uma série em um mês. Aí você virou mãe.
Você fazia as unhas e hidratava os cabelos todo fim de semana. Aí você se tornou mãe.
Você saía sem pressa e sem preocupações. Aí você virou mãe.
Aí você se tornou mãe e percebeu que os seus planos e os seus sonhos não chegam nem perto da felicidade que o seu filho(a) lhe transmite.
Que o sorriso dele é mais transformador que qualquer viagem e que as conquistas dele te proporcionam mais satisfação que qualquer conquista sua.
Aí você virou mãe e descobriu uma força além do normal, uma força que te guia madrugada a fora. Força que te faz sorrir mesmo depois de ter dormido quatro horas por noite.
Aí você virou mãe e trocou seus livros por livros infantis e sua série por desenhos animados, e quer saber, eles são interessantes também.
Aí você virou mãe e faz um coque desajeitado no cabelo e fica maravilhosa com ele, e as unhas, elas não são tão importantes assim.
Aí você virou mãe e conheceu amigas mães também, e é tão incrível dividir o universo da maternidade com elas.
Aí você virou mãe e os seus passeios corridos são tão insignificantes, porque quando você chega em casa você se depara com aquela criaturinha que mudou toda a sua vida e percebe que sem ela não teria sentido algum todas as coisas que você fazia antes dela.
Aí você virou mãe, virou o dia, virou a noite, virou fera, virou colo, virou luz. 
E apesar de toda confusão e cansaço, se você soubesse como seria lá no passado, os seus sonhos e planos teriam se transformado em um só, que seria exatamente esse: Ser mãe!




Fonte: Texto de  Lisah - Crônicas da Lisah/Imagem: Reprodução. 



0 Comentários | Compartilhe este post | Marcadores:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Colocamos sempre imagens para ilustrar nossas postagens, algumas imagens (fotos) são nossas, outras são dos locais que usamos como inspiração para nossos textos, mas que são creditados e há imagens também postadas aqui no blog de fontes diversas da Internet. Portanto, se alguma das imagens publicadas for de sua autoria e deseja que seja retirada ou que seja mencionada a fonte da imagem, entre em contato através do email: casinhacys@gmail.com, para que seja resolvida a questão da retirada da imagem ou publicado o nome do autor da imagem.
BLOG CASINHA DA CYS | TECNOLOGIA BLOGGER | COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA