Fada Magrinha segue carreira solo e apresenta novo show em Recife e São Paulo

04 julho 2017 | Postado por Casinha da Cys

Delicadeza e força. Pé no chão e fantasia. Asas à imaginação. Você acredita em fadas? Elas existem. A Percussionista Lulu Araújo acredita na música e encanta as crianças quando sobe ao palco e se transforma na Fada Magrinha. Agora em carreira solo, a arte-educadora e musicista leva pros palcos, a leveza e o encanto de educar através da música. 
Inicialmente o grupo também tinha a participação da gêmea Aninha Araújo, que desde 2016 mudou-se para Europa. Hugo Linns, Públius e Ricardo Fraga, seguem na nova formação do projeto "Fada Magrinha" que se apresenta dia 08/07 no Paço do Frevo e dia 23/07 em São Paulo. Lulu Araújo também ministra nesse mês de férias, a oficina " Receitas Sonoras - Vivência Musical"  05 e 12 de Julho no Cais do Sertão e dia 07 No Projeto OUTRAS PALAVRAS  da Fundarpe na Usina Santa Teresinha, na cidade de Água Preta.
O Show: 
Grande foliã do carnaval Pernambucano, Lulu  se apresenta durante a folia de Momo desde 1996 tendo tocado no Maracatu Estrela Brilhante do Recife, um dos mais tradicionais do estado e acompanhado artistas como Naná Vasconcelos e Alceu Valença durante esse período. A experiência e alegria do carnaval contribui para a seleção de canções e ritmos que mostram toda a riqueza e força cultural  Pernambucana. Para esse Show o grupo prepara um repertório que apresente aos pequenos, músicas que marcaram época como Festa do Interior e Balance, além de canções infantis em ritmos carnavalescos e claro os clássicos  Vassourinhas e Po Po Po Po.
Para criar um momento de brilho e diversão, quem precisa de varinha de condão? Afinal, quando ela tem à mão ganzá, alfaia, pandeiro e caracaxá, a magia simplesmente acontece.  

Oficinas:
A Oficina explora a musicalidade através da investigação  sonora, utilizando o corpo e a voz como  instrumentos por meio de atividades lúdicas e de brincadeiras do cotidiano infantil. Assim, antes de partir para os instrumentos propriamente dito, os participantes terão vivenciado  o ritmo e a melodia por meio do próprio corpo, facilitando  o processo de internalização e  aprendizagem musical. 
Nesse sentido, não só a música em si será trabalhada, como tudo que está direta ou indiretamente ligada a esse fazer musical, e isso inclui as danças, o folclore e a cultura local e nacional, os movimentos corporais, as batidas do corpo, os sons desenvolvidos pela voz , e tudo mais que possa servir de caminho para o aprendizado e para a vivência musical. 
Tendo sempre em mente o corpo como primeiro instrumento, faremos uma viagem pelos sons corporais explorando e diversificando a origem do som.
Além do corpo, Instrumentos como alfaia, pandeiro, caracaxá, triângulo, agogo, ganzá e abê ,dentre outros serão utilizados durante as aulas. 

Fada Magrinha:
O início do grupo se deu há sete anos pela vontade das Irmãs Aninha e Lulu Araújo de criar um projeto musical que tivesse um sotaque local ou referências mais próximas do que vemos nas ruas do Recife ao longo do ano e nas festividades folclóricas de todo estado. Outra preocupação do grupo, vem do cuidado em envolver o público infantil sem subestimar a inteligência das crianças. Hoje Lulu assume sozinha os vocais da banda, uma vez que Aninha passa temporada em Portugal. No palco recebe a presença luxuosa dos músicos Hugo Linns no Baixo, Públius no Bandolim e Guitarra e Ricardo Fraga na Bateria. Lulu iniciou sua carreira musical em 97, como percussionista do Maracatu Estrela Brilhante, um dos mais tradicionais do estado e posteriormente, acompanhando grandes nomes da música pernambucana, como Alceu Valença e Naná Vasconcelos, dentre outros, com quem fez turnês pela Europa, Japão e Brasil. 
Desde 2010 que a banda é uma das referências de músicas para crianças em Pernambuco. Em 2013 foi contemplada pelo Prêmio FUNARTE de Concertos Didáticos, com o projeto Admirável Público, que circulou por escolas públicas do interior do estado. Entre 2015 e 2016, fez turnê pelo Brasil tendo tocado em festivais de referência como o FIL, Festival Internacional de Linguagens, o TIC, Festival Internacional de Teatro para Crianças do Ceará, no Instituto Inhotim, um dos maiores museus de arte
contemporânea do mundo e na Virada Cultural Paulista. Ainda em 2016, a banda conquistou novos territórios, tendo feito a primeira turnê internacional, por Portugal e Espanha, onde foram muito bem recebidas pelo público.   

SERVIÇO OFICINAS: 
Oficina Receitas Sonoras - Vivência Musical
Onde: Cais Do Sertão
Quando: 05.07.2017 / 14h.
Público: crianças de 10 à 13 anos
Valor: ingresso do cais, R$ 10,00 inteira e R$ 5,00 estudante 
Oficina Receitas Sonoras - Vivência Musical
Quando: 07.07.17
Usina Santa Teresinha, na cidade de Água Preta
Das 08 às 12
No Projeto OUTRAS PALAVRAS Fundarpe
Público: Alunos da Rede Pública de 06 à 09 anos 
Oficina Receitas Sonoras - Vivência Musical
Onde: Cais Do Sertão
Quando: 12.07.2017 / 14h.
Valor: ingresso do cais, R$ 10,00 inteira e R$ 5,00 estudante 
Show:
Show Carnavalizar
Sábado no Paço
Dia 08.07.17 
Às 16h
Gratuito
Show Carnavalizar
São Paulo - SESC São José dos Campos
Dia 23.07.17 
Às 16h
Gratuito


Fotos: Lana Pinho/Divulgação. 


0 Comentários | Compartilhe este post | Marcadores:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Colocamos sempre imagens para ilustrar nossas postagens, algumas imagens (fotos) são nossas, outras são dos locais que usamos como inspiração para nossos textos, mas que são creditados e há imagens também postadas aqui no blog de fontes diversas da Internet. Portanto, se alguma das imagens publicadas for de sua autoria e deseja que seja retirada ou que seja mencionada a fonte da imagem, entre em contato através do email: casinhacys@gmail.com, para que seja resolvida a questão da retirada da imagem ou publicado o nome do autor da imagem.
BLOG CASINHA DA CYS | TECNOLOGIA BLOGGER | COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA