Animage - Festival Internacional de Animação de Pernambuco

16 novembro 2016 | Postado por Casinha da Cys

Com uma programação selecionada e diversificada, o ANIMAGE - Festival Internacional de Animação de Pernambuco chega em sua sétima edição como um dos principais festivais do país, oferecendo o melhor da atual animação mundial em nove locais do Recife.
O Festival se estende entre os dias 22 e 27 de novembro e inclui: Mostra Competitiva (adulto e infantil), Mostra Parque, Mostras e Sessões Especiais (com exibição de longas, Mostra Erótica, Mostra Best of Annecy (adulto e infantil), Mostra Francesa e Mostra Brasil), além de oficinas, masterclasses e exposição de objetos ópticos. Como ação ambiental, o Festival distribuirá ao público 3 mil sementes de árvores da Mata Atlântica.
Toda essa programação está distribuída nos espaços da CAIXA Cultural Recife, Cine São Luiz, Cinema do Museu e Aliança Francesa. Exibições ao ar livre acontecem no Parque Dona Lindu, no Morro da Conceição e na Praça da Várzea, oficinas e exibições de curtas nos hospitais IMIP e Agamenon Magalhães. A artista visual e ilustradora recifense, Ianah Maia, é autora da ilustração que resultou na identidade visual do Animage 2016.

Mostra Competitiva
O crescimento da importância do Animage entre os festivais do gênero é evidenciado na Mostra Competitiva, a qual, ano a ano, recebe um número maior de inscritos. O recorde atual soma 1057 inscrições de 64 países. Desse total, foram selecionados para a competição desta edição do Animage: 84 curta-metragens, de 29 países.
Há obras consagradas em outros festivais e vencedoras de algumas das maiores premiações do mundo, que competem com revelações e filmes realmente novos, ainda a serem descobertos.
"Na escolha dos filmes, procuramos reafirmar uma identidade para o festival, com a valorização de produções que sejam autorais, artesanais, ousadas e independentes, com pelo menos uma ou mais de uma dessas características. Não há uma temática geral, mas as próprias obras sugerem que alguns assuntos estão em evidência, como questões de gênero, preocupações ambientais e interferências das novas tecnologias sobre o cotidiano do ser humano", diz Júlio Cavani, curador desta edição do festival.
Os selecionados concorrem nas categorias “Melhor Curta-Metragem”, “Melhor Curta Infantil”, “Melhor Curta Brasileiro”, “Prêmio do Público”, que participa votando ao fim de cada sessão. Também serão premiados a melhor direção, roteiro, direção de arte, técnica e som. Conheça os selecionados aqui
O júri da Mostra Competitiva deste ano é composto por Rosana Urbes, diretora de animação que trabalhou nos Estúdios Disney, Carol Almeida, jornalista e crítica de cinema do Recife e o diretor francês, Sébastien Laudenbach, que também estará no Festival para apresentar seu longa-metragem e ministrar uma das masterclasses.

Longas
 Todos os longas que serão exibidos esse ano já foram chamados de "obras-primas" e vem pela primeira vez ao Recife. Cada um oferece uma interpretação sobre as contradições demonstradas pelos seres humanos quando confrontados com a natureza, com os outros ou com si mesmo.
O longa Windows Horses, inédito no Brasil, é o filme selecionado para a abertura desta edição do Animage. Sétimo longa da diretora Ann Marie Fleming, que nasceu no Japão e vive no Canadá, retrata as descobertas de uma adolescente canadense que viaja para o Irã. As atrizes Ellen Page e Sandra Oh dão vozes a personagens. O filme ganhou dois prêmios no Vancouver International Film Festival e será exibido no dia 22/11 no Cine São Luiz.
Os demais longas são: Anomalisa de Duke Johnson e Charlie Kaufman, Rocks in My Pockets de Signe Baumane, A Menina Sem Mãos de Sébastien Laudenbach, A Tartaruga Vermelha de Michael Dudok de Wit e Canção do Oceano de Tomm Moore, filmes que participaram com destaque de alguns dos principais festivais do mundo, como Cannes, Veneza e Annecy. Anomalisa e Canção do Oceano ainda concorreram ao Oscar.

Mostras e Sessões Especiais
Fazem parte também do Animage este ano, a Mostra Francesa que acontece na Aliança Francesa, a Mostra Brasil na Caixa Cultural Recife, com uma exibição especial de curtas de realizadores brasileiros em competição, a Mostra Parque em parques e praças públicas, a Mostra Erótica e a Mostra Best of Annecy, ambas no Cine São Luiz.
A Mostra Best of Annecy destaca o Festival de Annecy, criado em 1960 na França é um dos mais importantes festivais dedicado à animação do mundo. Nos últimos anos, o Brasil venceu a competição principal de longas-metragens com os filmes Uma História de Amor e Fúria (2013) de Luiz Bolognesi e O Menino e o Mundo (2014), de Alê Abreu.
A Mostra Erótica por sua vez já se tornou “tradicional” no Animage e é uma das mais concorridas. Neste ano, considerando os atuais debates travados com cada vez mais força na sociedade brasileira, o Festival apresenta uma mostra erótica com curtas-metragens dirigidos apenas por mulheres.
São animações com diferentes estilos, culturas, valores e comportamentos, criado por realizadoras de diversos países, que combatem preconceitos e oferecem um contraponto aos predominantes discursos e pontos de vista masculinos diante da sexualidade. Na Mostra Erótica, os portadores de deficiência visual poderão usufruir da audiodescrição.
A Mostra Parque promove sessões gratuitas ao ar livre e levará uma seleção de filmes, voltados para todas as idades, e de conteúdo variado, para o Praça da Várzea, Parque Dona Lindu e o Morro da Conceição. O objetivo é oferecer um passeio cultural rico e diferenciado para a família e para os transeuntes que se tornam também espectadores.

Masterclass
Aulas especiais também compõe a programação gratuita e proporcionam uma excelente oportunidade de aperfeiçoamento junto a especialistas do ramo. No dia 24/11, Sébastien Laudenbach compartilhará seu processo de criação no filme A Menina Sem Mãos. No dia 25/11, Rosana Urbes ministrará sobre etapas de criação do seu curta-metragem Guida, premiado no Annecy.
Exposição de Objetos Ópticos - O Animage colocará na CAIXA Cultural Recife uma exposição com três objetos ópticos, que destacam conceitos e técnicas cinematográficas iniciais da animação. O público poderá interagir com os aparelhos: Taumatroscópio, Fenaquistiscópio e o Zootroscópio.  

Oficinas 
O Animage oferece oficinas gratuitas de animação que buscam uma experiência prática no cinema de animação e atendem crianças, iniciantes e profissionais. Com quatro temas abordados, as oficinas serão realizadas na CAIXA Cultural Recife entre os dias 16 e 26/11 e as inscrições são feitas apenas pelo site. O número de vagas por oficina é limitado e os inscritos passam por processo de seleção.
A Realização é da Rec-Beat Produções, com patrocínio da CAIXA Cultural Recife, incentivo do Funcultura - Governo do Estado de Pernambuco e apoio da Fundação Joaquim Nabuco, Consulado da França, Cinemateca da França, Aliança Francesa e Institut Français. 

Animage – VII Festival Internacional de Animação de Pernambuco
De 22 a 27 de novembro de 2016
Locais: CAIXA Cultural Recife, Cine São Luiz, Cinema do Museu, Aliança Francesa, Praça da Várzea, Parque Dona Lindu, Morro da Conceição, Hospitais IMIP e Agamenon Magalhães.
Entrada: preço único promocional, valor de meia para todos: R$ 5,00 (apenas para as sessões no Cine São Luiz e Cinema do Museu). Todas as demais atrações são gratuitas. Os ingressos (pagos ou gratuitos) são disponibilizados 1 hora antes de cada sessão, no local da exibição.
Mais informações: www.animagefestival.com
*As sessões duram entre 50 a 60 minutos. Verificar a classificação indicativa.
*Cada sessão poderá ser exibida em mais de um local, na listagem dos filmes abaixo quando a ocorrência for repetida, estará apontado como "reprise".
*A programação detalhada com cada sinopse está disponível no site.

Programação -  ANIMAGE 2016

Oficinas pré-festival - De 16 a 19 de novembro
CAIXA Cultural Recife
9:00 às 11:00 (turma 1) e 11:30 às 13:30 (turma 2), de quarta-feira à sábado:
Oficina "Desenho Animado (para crianças autistas)" com Maurício Squarisi.
14:00 às 18:00, de quarta-feira à sábado:
Oficina "Técnicas de Sombra Chinesa" com Wilson Lazarretti

Oficinas Festival - De 22 a 26 de novembro
CAIXA Cultural Recife
9:00 às 13:00, terça à sexta-feira (de 22 a 25/11)
Oficina "Diário Animado" com Chloé Mazlo (França)
9:00 às 13:00, de quarta-feira à sábado (de 23 a 26/11)
Oficina "Música e Ritmo em Animação" com Jean-Luc Slock (Bélgica)
Oficinas exclusivas para crianças dos Hospitais IMIP e Agamenon Magalhães (de 21 a 26/11).

Exposição Objetos Ópticos - De 22 a 27 de novembro
CAIXA Cultural Recife
10:00 às 20:00, terça-feira à sábado. Domingos até as 17:00.

Dia 22 de Novembro – terça-feira

CAIXA Cultural Recife
14:30 – Sessão Mostra Competitiva Infantil 2:
     -    Chiaroscuro, de Daniel Drummond (Brasil, 2014, 7'48")
     -    Koyaa Roza, de Kolja Saksida (Eslovênia, 2014, 3'30")
     -    TIS, de Chloë Lesueur (França, 2016, 9'02")
     -    Vagabond, de Pedro Ivo Carvalho (Dinamarca, 2015, 7'25")
     -    Extra Champignons, de Lori Malépart-Traversy (Canadá, 2015, 2')
     -    A Taste of Reign, de Stefan Katanić (Sérvia, 2015, 4'29")
     -    PAWO, de Antje Heyn (Alemanha, 2015, 7'39")
     -    El Pescador, de Willka Romero e Mayra Buxareo (Argentina, 2015, 2'38")
     -    Hypertrain, de Etienne Kompis & Fela Bellotto (Suíça, 2016, 3'35")
     -    Fulfilament, de Rhiannon Evans (Reino Unido, 2015, 7'33")

16:00 – Sessão Mostra Competitiva 1:
     -    Me by You, de David Buob (Alemanha, 2016, 5')
     -    Sick Building Syndrome, de Chun-Tien Chen & Chen-Yu Yang (Taiwan, 2015, 4'02")
     -    Até a China, de Marão (Brasil, 2015, 15')
     -    Lá Vem a Papangusa, de Chia Beloto (Brasil, 2016, 1')
     -    Däwit, de David Jansen (Alemanha, 2015, 14'50")
     -    Kosmos, de Daria Kopiec (Polônia, 2016, 2'29")
     -    Radio Wave, de Ryotaro Miyajima (Japão, 2016, 3'09")
     -    Fleischwelt, de Ara Jo (Alemanha, 2015, 52")
     -    Quacksalver, de Jorn Leeuwerink (Países Baixos, 2015, 3'26")
     -    Dinner For Few, de Nassos Vakalis (Estados Unidos, 2014, 10'10")

17:30 – Sessão Mostra Competitiva 3:
     -    Giz, de Cesar Cabral (Brasil, 2015, 7'28")
     -    Peripheria, de David Coquard Dassault (França, 2016, 12')
     -    What happens in your brain if you see a german word like...?, de Zora Rux (Alemanha, 2015, 5'20")
     -    L'heure du thé, de Guillaume Blanchet (França, 2015, 4'02")
     -    Ruben Leaves, de Frederic Siegel (Suíça, 2015, 5')
     -    Animation Hotline, 2015, de Dustin Grella (Estados Unidos, 2015, 7'05")
     -    Golden Egg, de Srinivas Bhakta (Singapura, 2016, 8'20")
     -    Opia, de Shanta Jethoe (Países Baixos, 2016, 5'07")
     -    Trial & Error, de Antje Heyn (Alemanha, 2016, 5'27").
  
Cine São Luiz 
19:00 – Sessão Mostra Expectativa e Abertura com Longa "Windows Horses" de Ann Marie Fleming
(Canadá, 85 minutos).

Dia 23 de Novembro – quarta-feira

CAIXA Cultural Recife
14:30 – Sessão Mostra Competitiva Infantil 1:
- Utö, de David Buob (Alemanha, 2014, 7'38")
- Monsieur Lune, de Julien Seze (França, 2014, 4'44")
- Feathers, de Hands On Deck (Canadá, 2016, 6'02")
- Pyracantha, de Negareh Halimi (Irã, 2015, 6'21")
- Nimbus - O caçador de nuvens, de Marco Nick (Brasil, 2016, 16'43")
- Etwas, de Elena Walf (Alemanha, 2015, 7')
- Soberano Papeleo, de Lala Severi (Uruguai, 2014, 2'52")
- The Red Herring, de Leevi Lemmetty (Finlândia, 2015, 6'30")

16:00 – Sessão Mostra Competitiva 5:
- Petrova šuma, de Martina Mestrovic (Croácia, 2016, 8'25")
- Beach Flags, de Sarah Saidan (França, 2014, 13'19")
- I Said I Would Never Talk About Politics, de Aitor Oñederra (Espanha, 2015, 3'30")
- Velodrool, de Sander Joon (Estônia, 2016, 6'11")
- The Wrong End of the Stick, de Terri Matthews (Reino Unido, 2016, 9'40")
- Hipopotamy, de Piotr Dumala (Polônia, 2014, 12'29")
- The Five Minute Museum, de Paul Bush (Reino Unido, 2015, 7')

17:30 – Sessão Mostra Competitiva 4:
- Los Aeronautas, de León Fernández (México, 2016, 11')
- A Single Life, de Job Roggeveen, Joris Oprins e Marieke Blaauw (Países Baixos, 2014, 2'15")
- Parallel Lines, de Valentina Stanislavskaia (Estados Unidos, 2015, 5'35")
- Skameiki Np. 0458, de Ivan Maximov (Rússia, 2015, 6'32")
- Brutalism, de Jessica Poon (Estados Unidos, 2014, 3')
- Un obus partout, de Zaven Najjar (França, 2015, 8'50")
- Stop Peeping, de Wong Ping (Hong Kong, 2014, 3'48")
- Du Plomb dans la Tête, de Aurore Peuffier (França, 2016, 7'41")
- Caramelman, de Jihye Jung (Coreia do Sul, 2015, 3'10")
- Coda, de Alan Holly (Irlanda, 2013, 9')

Cinema da Fundação Museu
15:30 – Sessão Mostra Competitiva 7:
- Kinki, de Izumi Yoshida (Polônia, 2015, 10'12")
- Hummingbird's Wings, de Dustin Grella (Estados Unidos, 2015, 1'48")
- Sredi chernyh voln, de Anna Budanova (Rússia, 2016, 11')
- Yöperhonen, de Annika Dahlsten (Finlândia, 2015, 5'03")
- Saison 1992, de Brigitte Archambault (Canadá, 2014, 8'09")
- Cachorro Loko, de Igor Shin Moromisato (Alemanha, 2015, 5'30")
- O Ex-Mágico, de Mauricio Nunes e Olimpio Costa (Brasil, 2016, 11'11")
- Novell, de Inka Matilainen (Finlândia, 2014, 7'17")

17:00 – Sessão Mostra Competitiva 1: (reprise)
19:00 – Sessão Mostra Competitiva 2:
- Sonámbulo, de Theodore Ushev (Croácia, 2015, 4'20")
- Elu Herman H. Rott'iga, de Chintis Lundgren (Estónia, 2015, 11')
- The Deal, de Ewa Smyk (Polônia, 2015, 4'28")
- Hereafter, de Natália Azevedo Andrade (Hungria, 2016, 3'52")
- Decorado, de Alberto Vázquez (Espanha, 2016, 11')
- En Heng, de Wang Yu-zi (China, 2014, 1'25")
- Sonder During End Times, de Stephanie Delazeri (Estados Unidos, 2015, 6')
- Rasgo, de Diego Akel (Brasil, 2015, 35")
- Sieben Mal am Tag beklagen wir unser Los und nachts stehen wir auf, um nicht zu träumen, de Susann Maria Hempel (Alemanha, 2014, 18')

Aliança Francesa
16:00 – Sessão Mostra Especial Francesa "Gobelins, a Escola da Imagem":
- Made in China , de Vincent Tsui (2015, 3')
- SHUDÔ, de To-Anh Bach, Charles Badiller, Hugo Weiss (2015, 2')
- Mortel Breakup Inferno, de Paula Assadourian, Débora Cruchon, Thibaud Gayral, Maxime Delalande, Batiste Perron, Marlène Beaube (2014, 3')
- Hors Champ, de Hugo De Faucompret, Pierre Pinon, Johan Ravit, Arthus Pilorget, Valentin Stoll (2014, 1')
- Coil, de Juliette Peuportier, Julie Robert, Arnaud Tribout, Eva Lusbaronian, Charles Badiller (2014, 1')
- Fol Amor, de Augustin Clermont , Marthe Delaporte , Gaspard Sumeire , Maïlys Garcia , Gilles Cortella , Clément De Ruyter (2013, 2')
- Un Conte, de Guillaume Arantes (2013, 2')
- Eclipse, de Théo Guignard, Nöé Lecombre, Hugo Moreno (2012, 4')
- One Day, de Joël Corcia, Bung Nguyen, Thomas Reteuna, Laurent Rossi, Bernard Som (20124')
- VÉSUVES, de Kevin Manach (2011,3')
- LES CHIENS ISOLÉS Rémi Bastie, Jonathan Djob Nkondo, Jérémy Pires, Kevin Manach, Paul Lacolley, Nicolas Deghani (2011,6')
- 3 PETITS POINTS, de Lucrèce Andreae, Albert Dieudonné, Tracy Nowocien, Ornélie Prioul, Tracy Schaepman, Florian Parrot (2010, 3')
- Jean-Luc, de Arthur Peltzer, Jean-Baptiste Maligne, Paul Nivet, Julien Daubas, Jérémy  Macedo, Fabien Guillaume (2010, 2')
- Le Ruban, de Thomas Charra, Michaël Crouzat, Kherveen Dabylall, Denis Do, Gabriel Jolly - Monge (2019, 3')
- Blind Spot Simon Rouby, Johanna Bessiere, Nicolas Chauvelot, Olivier Clert, Cécile Dubois Herry, Yvon Jardel (2014, 3')
- Jurannessic, de In-Ah Rödiger, Simon Pierre Andriveau, Yann Avenati, Hervé Barbereau, Louis Clichy (2002, 1')
- Myosis (GOBELINS) Emmanuel Asquier-Brassart, Guillaume Dousse, Thibaud Petitpas, Adrien Gromelle, Ricky Cometa (2013, 3')
- Duo (GOBELINS), de Janis Aussel, Elsa Boyer, Marie-Pierre Demessant, Dorian Lee, Laurent Moing, Guitty Mojabi, Aron Bothman (2014,3')

Cine São Luiz
19:00 – Sessão Especial Longa "Anomalisa" de Duke Johnson e Charlie Kaufman (EUA, 90 minutos).

Dia 24 de Novembro – quinta-feira

CAIXA Cultural Recife
14:30 – Sessão Mostra Competitiva 6:
- Blue Eyes - in HARBOR TALE-, de Yuichi Ito (Japão, 2014, 8')
- Quando os Dias Eram Eternos, de Marcus Vinicius Vasconcelos (Brasil, 2016, 12')
- Rascunho da Bíblia, de Márcia Deretti e Márcia Júnior (Brasil, 2015, 1'35")
- Historias Contaminadas, de Denis Chapon (Argentina, 2014, 9')
- La Vie Magnifique Sous L'eau, de Joël Vaudreuil (Canadá, 2015, 15'45")
- 100 Años Genocidio Armenio, de Pablo Gostanian (Argentina, 2015, 3'36")
- Vieil Ours, de Chen Chen (França, 2016, 11'32")
16:00 – Sessão Mostra Competitiva 7: (reprise)
17:30 – Masterclass: 
"Cryptokinografia" apropriado ao universo animado de A Menina Sem Mãos, com Sébastien Laudenbach.

Cinema da Fundação Museu
15:30 – Sessão Mostra Competitiva Infantil 1: (reprise)
17:00 – Sessão Mostra Competitiva 3: (reprise)
19:00 – Sessão Mostra Competitiva 4: (reprise)

Aliança Francesa
16:00 – Sessão Mostra Especial Francesa: longa Adama, de Simon Rouby (França, 85 minutos).

Cine São Luiz
19:00 – Sessão Mostra Especial Best Of Annecy:
- Mademoiselle Kiki et les Montparnos, de Amélie Harrault (2012, França, 15')
- Lettres de Femmes, de Augusto Zanovello (2013, França, 12')
- El Canto, de Inès Sedan (2014, França, 8')
- Le Sens Du Toucher, de Jean-Charles Mbotti Malolo (2014, França, 14')
- Sillon 672, de Bastien Dupriez (2014, França, 4')
- Chaud Lapin, de Flora Andrivon, Soline Bejuy, Alexis Magaud, Géraldine Gaston e Maël Berreur (2014, França, 5')
- The race, de Michaël Le Meur (2015, França, 14')
20:30 - Sessão Especial Longa "Rocks in My Pockets" de Signe Baumane (EUA/Letônia, 88 minutos).

Dia 25 de Novembro – sexta-feira

CAIXA Cultural Recife
14:30 – Sessão Mostra Competitiva 2: (reprise)
16:00 – Sessão Mostra Competitiva 8:
- A Love Story, de Anushka Kishani Naanayakkara (Reino Unido, 2016, 7'04")
- The Noise, de Pooya Razi (Canadá, 2014, 17')
- Gyros Dance, de Piotr Loc Hoang Ngoc (Polônia, 2016, 14'39")
- Rock is Not an Attitude, de Xiaoxiao Tang (Estados Unidos, 2014, 5'09")
- Bárbara Balaclava, de Thiago Martins de Melo (Brasil, 2016, 14'37")
17:30 – Masterclass:
Etapas do Processo de Realização em Animação, com Rosana Urbes

Cinema da Fundação Museu
15:30 – Sessão Mostra Competitiva Infantil 2: (reprise)
17:00 – Sessão Mostra Competitiva 6: (reprise)
19:00 – Sessão Mostra Competitiva 5: (reprise)

Aliança Francesa
16:00 – Sessão Mostra Especial Francesa - Best Of Annecy (Infantil):
- Plato, de Leonard Cohen (2011, França, 8')
- LE JARDIN ENCHANTÉ, de Viviane Karpp (2011, França, 3')
- Premier Automne, de Aude Danset e Carlos De Carvalho (2013, França, 10')
- 5 MÈTRES 80, de Nicolas Deveaux (2013, França, 5')
- LA GROSSE BÊTE, de Pierre-Luc Granjon (2013, França, 6')
- ASCENSION, de Caroline Domergue, Martin de Coudenhove, Thomas Bourdis, Florian Vecchione e Colin Laubry (2013, França, 7')
- La Petite Casserole D'Anatole, de Éric Montchaud (2014, França, 5')
- La Moufle, de Clémentine Robach (2014, França, 8')
- Tigres À La Queue Leu Leu, de Benoît Chieux (2014, França, 8')
- Captain 3D, de Victor Haegelin (2014, França, 3')

Cine São Luiz
19:00 – Sessão Especial Longa "A Menina Sem Mãos", de Sébastien Laudenbach (França, 76 minutos).
20:30 – Sessão Mostra Especial Erótica:
- What She Wants, de Ruth Lingford (Reino Unido, 1994, 5'01")
- Le Clitoris, de Lori Malépart-Traversy (Canadá, 2016, 3'16")
- A Nyalintás Nesze, de Nadja Andrasev (Hungria, 2015, 9'15")
- Appetizer, de Sara Koppel (Dinamarca, 2011, 1'07")
- Don’t Tell Mom, de Sawako Kabuki (Japão, 2015, 3'18")
- Kosmos, de Daria Kopiec (Polônia, 2016, 2'29")
- Summer's Puke is Winter's Delight, de Sawako Kabuki (Japão, 2016, 3')
- Luv is..., de Nina Paley (Estados Unidos, 1998, 3'28")
- Pollinate, de Eva Midgley (Estados Unidos, 2012, 1'56")
- Little Vulvah and her Clitoral Awareness, de Sara Koppel (Dinamarca, 2013, 4'30")
- DNI CIPKI, de Kasia Szaulińska (Alemanha, 2010, 1'18")
- Master Blaster, de Sawako Kabuki (Japão, 2015, 4')
- Maku (Veil), de Yoriko Mizushiri (Japão, 2014, 5'26")
- Dildoman, de Asa Sandzén (Suecia, 2009, 4'01)
- Naked Love - Ea's garden, de Sara Koppel (Dinamarca, 2012, 7')

Dia 26 de Novembro – sábado

CAIXA Cultural Recife
14:30 – Sessão Mostra Parque 1: (reprise)
16:00 – Sessão Mostra Parque 2: (reprise)
17:30 – Sessão Mostra Brasil:
- Òrun Àiyé: a Criação do Mundo, de Jamile Coelho e Cintia Maria (Salvador, 2015, 12')
- Chiaroscuro, de Daniel Drummond (São Luis, 2014, 7'48")
- Nimbus - O caçador de nuvens, de Marco Nick (Belo Horizonte, 2016, 16'43")
- Bárbara Balaclava, de Thiago Martins de Melo (São Luis, 2016, 14'37")
- O Ex-Mágico, de Mauricio Nunes e Olimpio Costa (Recife, 2016, 11'11")
- Quando os Dias Eram Eternos, de Marcus Vinicius Vasconcelos (São Paulo, 2016, 12')
- Rascunho da Bíblia, de Márcia Deretti e Márcia Júnior (Goiânia, 2015, 1'35")
- Lá Vem a Papangusa, de Chia Beloto (Olinda, 2016, 1')
- Rasgo, de Diego Akel (Fortaleza, 2015, 35")
- Giz, de Cesar Cabral (São Paulo, 2015, 7'28")
- Até a China, de Marão (Rio de Janeiro, 2015, 15')

Cinema da Fundação Museu
15:30 – Sessão Mostra Competitiva Infantil 1: (reprise)
17:00 – Sessão Mostra Competitiva Infantil 2: (reprise)
19:00 – Sessão Mostra Competitiva 8: (reprise)

Praça da Várzea
17:30 – Sessão Mostra Parque 1:
- Òrun Àiyé: a Criação do Mundo, de Jamile Coelho e Cintia Maria (Brasil, 2015, 12')
- FISHWITCH, de Adrienne Dowling (Irlanda, 2016, 9'59")
- El Nen i l'Eriçó, de Marc Riba & Anna Solanas (Espanha, 2016, 3')
- Mobilis, de Diego Akel (Brasil, 2014, 48")
- Stakleni Covjek, de Daniel Suljic (Croácia, 2015, 6')
- Gaidot Jauno gadu, de Vladimir Leschiov (Letônia, 2016, 8')
- Ślady ulotne, de Agnieszka Waszczeniuk (Polônia, 2016, 8')
- Fulfilament, de Rhiannon Evans (Reino Unido, 2015, 7'33")

18:30 – Sessão Mostra Parque 2:
- Vagabond, de Pedro Ivo Carvalho (Dinamarca, 2015, 7'25")
- Miss & Grubs, de Jonas Brandão e Camila Kamimura (Brasil, 2015, 9'53")
- La Valse Mécanique, de Julien Dykmans (França, 2015, 5'47")
- El trompetista, de Raúl Robin Morales Reyes (México, 2014, 10')
- Finito, de Mauricio Bartok (México, 2016, 3')
- Beto, de Dante Sorgentini (Argentina, 2015, 4')
- Orvalho, de Diego Akel (Brasil, 2015, 1'02")
- WHOOOPADOO, de Kalina Horon (Polónia, 2015, 1'03")
- Hugo Bumfeldt, de Éva Katinka Bognár (Hungria, 2015, 12'02")
- Lá Vem ao Homem da Meia Noite, de Chia Beloto (Brasil, 2016, 1')

Parque Dona Lindu
17:30 – Sessão Mostra Parque 1: (reprise/simultânea)
18:30 – Sessão Mostra Parque 2: (reprise/simultânea)

Morro da Conceição
17:30 – Sessão Mostra Parque 1: (reprise/simultânea)
18:30 – Sessão Mostra Parque 2: (reprise/simultânea)

Cine São Luiz
19:00 – Sessão Especial Longa "A Tartaruga Vermelha" de Michael Dudok de Wit (Japão/França/Bélgica, 80 minutos).

Dia 27 de Novembro – domingo

CAIXA Cultural Recife
14:30 – Sessão Mostra Parque 3: (reprise)
16:00 – Sessão Mostra Parque 4: (reprise)

Cinema da Fundação Museu
15:30 – Premiação Mostra Competitiva
19:00 – Sessão Especial Longa "Canção do Oceano" de Tomm Moore
(Irlanda/Bélgica/Dinamarca/França/Luxemburgo, 93 minutos).

Praça da Várzea
17:30 – Sessão Mostra Parque 3:
- Utö, de David Buob (Alemanha, 2014, 7'38")
- Gurium, de Ana Fernandez Comes (Argentina, 2015, 3'45")
- Repentino, de Diego Akel (Brasil, 2015, 46")
- FOI O FIO, de Patrícia Figueiredo (Portugal, 2014, 5'27")
- Back Home, de Inês Fernandes (Países Baixos, 2015, 5'02")
- Súbito, de Ayodê França (Brasil, 2015, 3'33")
- Khanoome Gol Mikhaki, de Sarah Tabibzadeh (Irã, 2014, 11')
- L'Oiseau pleureur, de Claire Ledru (França, 2016, 9'08")

- Vlucht, de Reynaert Vosveld (Países Baixos, 2016, 4'46")
- Hypertrain, de Etienne Kompis & Fela Bellotto (Suíça, 2016, 3'35")

18:30 – Sessão Mostra Parque 4:
- Zdarzenie plastyczne, de Tymon Albrzykowski (Polônia, 2016, 5'11")
- The Lighthouse, de Simon Scheiber (Países Baixos, 2015, 11'20")
- TEUN, de Thanut Rujitanont (Tailândia, 2016, 4'13")
- Fongopolis, de Joanna Kozuch (Eslováquia, 2014, 13')
- Laboratorium, de Natalia Nguyen (Polônia, 2015, 8')
- Cursed, de Juba Polati (Brasil, 2015, 1'56")
- Dota, de Petra Zlonoga (Croácia, 2016, 4')
- Tu Tamo, de Alexander Stewart (Croácia, 2015, 4')
- O Projeto do Meu Pai, de Rosaria (Brasil, 2016, 6')

Parque Dona Lindu
17:30 – Sessão Mostra Parque 3: (reprise/simultânea)
18:30 – Sessão Mostra Parque 4: (reprise/simultânea)

Morro da Conceição
17:30 – Sessão Mostra Parque 3: (reprise/simultânea)
18:30 – Sessão Mostra Parque 4: (reprise/simultânea)

Endereços:

CAIXA Cultural Recife
Av. Alfredo Lisboa, 505 - Bairro do Recife
Telefone: (81) 3425-1915

Cine São Luiz
R. da Aurora, 175 - Boa Vista, Recife
Telefone: (81) 3184-3157

Cinema da Fundação Museu
Av. Dezessete de Agosto, 2187 - Casa Forte, Recife
Telefone: (81) 3073-6272

Aliança Francesa
R. Amaro Bezerra, 466 - Derby, Recife
Telefone: (81) 3202-6262

Praça da Várzea
Av. Afonso Olindense, S/N - Várzea, Recife

Parque Dona Lindu
Avenida Boa Viagem, s/n - Boa Viagem

Morro da Conceição
Praça do Morro da Conceição, 211

HOSPITAL IMIP
R. dos Coelhos, 300 - Boa Vista, Recife
Telefone: (81) 2122-4100

Hospital Agamenon Magalhães
Estr. do Arraial, 2723 - Casa Amarela, Recife
Telefone: (81) 3184-1600.
  


0 Comentários | Compartilhe este post | Marcadores:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Colocamos sempre imagens para ilustrar nossas postagens, algumas imagens (fotos) são nossas, outras são dos locais que usamos como inspiração para nossos textos, mas que são creditados e há imagens também postadas aqui no blog de fontes diversas da Internet. Portanto, se alguma das imagens publicadas for de sua autoria e deseja que seja retirada ou que seja mencionada a fonte da imagem, entre em contato através do email: casinhacys@gmail.com, para que seja resolvida a questão da retirada da imagem ou publicado o nome do autor da imagem.
BLOG CASINHA DA CYS | TECNOLOGIA BLOGGER | COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA